Comissão de Investigação da SPOT com planos promissores

André Grenho, coordenador da Comissão de Investigação da Sociedade Portuguesa de Ortopedia e Traumatologia (SPOT), delineou novos objetivos e  planos futuros para a comissão.

Sobre os principais objetivos da Comissão de Investigação, o coordenador destacou: “Procuramos promover e desenvolver o conhecimento científico na área músculo-esquelética, com especial enfoque no conhecimento ortopédico. Para isso, o nosso principal objetivo é facilitar a investigação e a publicação dos resultados obtidos nos estudos realizados pelos sócios da SPOT.”

No que diz respeito à atual situação da comissão e aos desafios enfrentados, revelou que “infelizmente, passámos por um período de inatividade prolongado devido ao falecimento do anterior coordenador, o Sr. Professor Dr. Jacinto Monteiro. Neste momento estamos a procurar readequar a comissão para oferecer uma resposta mais robusta aos sócios da SPOT que se interessam por realizar investigação na área músculo-esquelética.”

Quando questionado sobre os planos futuros da comissão, André Grenho explicou que estão a trabalhar na identificação e convite de personalidades reconhecidas na área da investigação e publicação científica em Ortopedia, para formar um grupo de consultores. Esses consultores poderão colaborar nos trabalhos dos médicos investigadores que assim o desejem. Além disso, estão a ser estabelecidas parcerias com instituições (académicas e não só) fora da área clínica pura, visando colaborações em projetos de interesse mútuo.

“Temos interesse em agregar, de forma sistematizada, os contactos de medical writers e estatistas que possam colaborar nos trabalhos dos sócios da SPOT, por forma a facilitar o trabalho de quem investiga. Trabalho esse realizado, muitas vezes, fora do horário laboral dos médicos investigadores”, concluiu.

Com a liderança de André Grenho, a Comissão de Investigação da SPOT está pronta para enfrentar novos desafios e promover avanços significativos na área da Ortopedia e Traumatologia em Portugal.